Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Na Cozinha da Raiozinho

Na Cozinha da Raiozinho

Peito de frango recheado com presunto e queijo

IMG_20170418_205135.jpg

Ando meia desaparecida, é um facto. A caixa dos rascunhos vai-se enchendo com alguns posts em preparação, só que também é verdade que o tempo para me dedicar à cozinha, a vontade de ir experimentando novas receitas ou a criatividade para criar novas combinações já viram melhores dias.

Depois de um período conturbado, de mudanças e falta de horários que me lançou para um caos de imprevistos e improvisos, prevejo que as rotinas estejam a retomar a sua ordem, o tempo livre é pouco, mas começa a ser algum, ou pelo menos mais previsível de existir. 

Para já pretendo, aqui no blog, limpar a caixa de rascunhos. Posts que estão há semanas, ou mesmo meses, em espera. Uma boa parte das receitas tenho as devidas anotações, outras vou ter de recorrer à memória. É o caso desta. Lembro-me que é simples, tão simples, daquelas que me saíram num improviso, num dos dias caóticos em que os horários se baralharam e o tempo se escapava entre os dedos.

 

Ingredientes:

  • peitos de frango (quantidade à escolha)
  • fatias de presunto (convém ser igual à quantidade de peitos de frango)
  • fatias de queijo (a gosto)
  • 1 cebola picada
  • 1 dente de alho picado
  • salsa picada
  • 1 cerveja 
  • pimenta a gosto
  • sal
  • um fio de azeite

 

Preparação:

Abrir os peitos de frango. Em cada um colocar uma fatia de presunto e uma (ou duas) de queijo. Enrolar e prender com um ou dois palitos. 

Num tacho largo colocar a cebola e o dente de alho picados. Regar com um fio de azeite e levar a alourar em lume brando. Quando a cebola começar a estalar, juntar os rolinhos recheados de peito de frango. Temperar com sal e pimenta, polvilhar com salsa picada e refrescar com a cerveja. Deixar estufar em lume brando, com o tacho tapado, abanando de vez em quando para não pegar ao fundo, entre 30 a 40 minutos.

Servi com "arroz" de couve flor

 

Lombo de porco recheado com linguiça e embrulhado em bacon

Começar a comprar a carne no talho do bairro é toda uma diferença. Compro para cozinhar logo, sem passar pelo congelador, carne de qualidade, com ótimo sabor. Noto que a carne não "encolhe" tanto quando cozinhada, pelo que rende bastante, o que é ótimo para quem anda sempre a pensar nas marmitas para o almoço. Além disso o atendimento não podia ser mais personalizado, trago preparados diferentes (rolos recheados, perna de peru recheada, mistura de carne picada, hambúrgueres de excelente qualidade e sabor) e a carne cortada ao gosto do freguês. Ontem, na ida ao talho para o abastecimento da semana, vi lá um nvo rolo de carne recheado: lombo de porco recheado com linguiça e embrulhado em bacon. Só de olhar imaginei a delícia que devia ser. Veio comigo. Um rolo já preparado para temperar e ir ao forno, com mais de 1,600gr, custou 9€. Vale a pena.

Hoje foi chegar do trabalho, temperar o dito, deixá-lo no forno enquanto ia à minha aulinha de cardio fitness. E quando cheguei da aula, foi sentar e deliciar-me com esta iguaria.

IMG_20170502_204447.jpg

 Ingredientes:

  • um lombo de porco recheado com linguiça e embrulhado em bacon (preparado no talho)
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • sal
  • azeite
  • sumo de um limão
  • 200 ml de polpa de tomate
  • alecrim

Preparação:

Numa taça à parte misturar: a cebola e os dentes de alho picados, o azeite, o sal, o sumo de limão e a polpa de tomate. Envolver bem. Colocar o rolo num tabuleiro de ir ao forno e barrar o rolo com o preparado anterior. Polvilhar por cima com um pouco de alecrim. Deixar repousar cerca de 30 minutos antes de ir ao forno.

 

Entretanto tratei do acompanhamento: comprei espargos em promoção no Lidl. Lavei-os, coloquei-os num tabuleiro de ir ao forno, temperei com alho em pó, moinho 5 pimentas, flor de sal e um fio de azeite. Com as mãos envolvi bem os temperos. 

IMG_20170502_204455.jpg

Levar o lombo a assar em forno previamente aquecido a 200º. Ter o cuidado de o ir virando ou regando com o molho que se vai formando para não o deixar secar ou tostar demais. Este rolo demorou cerca de 1h a assar. 

Nos últimos 20 minutos, juntou-se ao forno o tabuleiro de espargos anteriormente temperados. 

Maravilhoso!! 

 

Robalo no forno com limão e salsa

IMG_20170424_202741.jpg

O tempo por aqui tem sido escasso. Quer para publicar receitas, quer para me dedicar à cozinha. As refeições querem-se simples e rápidas, sem grandes inovações ou invenções. Recorrer aos pratos banais é aposta segura. Por isso, e ainda que tenha algumas receitas nos rascunhos à espera de ver a sua vez no blog, a verdade é que não há muitas novidades dignas de publicação.

Hoje, véspera de feriado, sobra um bocadinho de tempo e disponibilidade para me sentar e dedicar um pouco de tempo à cozinha virtual. Podia começar por uma das receitas em rascunho mais "antigas", mas não. Escolho precisamente o que fiz hoje para o jantar. Na premissa do simples e rápido, ainda assim digna de registo e partilha.

 

Ingredientes:

  • 4 robalos pequenos/médios
  • azeite
  • alho em pó
  • pimenta branca
  • sal
  • 1 limão
  • salsa

 

Preparação:

Lavar os robalos e dispor num tabuleiro de ir ao forno. Temperar com sal, alho em pó e pimenta branca. Espalhar raminhos de salsa por cima, regar com sumo de meio limão e azeite. Cortar a outra metade do limão às rodelas e colocar por cima do peixe.

Levar a forno previamente aquecido a 200º cerca de 30 minutos.

Acompanhei com uma salada. 

 

Frango com cogumelos no wok

IMG_20170321_211113.jpg

Ingredientes:

  • 1 kg de bifes de frango 
  • 300 gr. de cogumelos frescos
  • 1 mini pimento amarelo
  • 1 mini pimento laranja
  • 1 mini pimento vermelho
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • azeite
  • sal
  • 200 ml de natas de soja
  • flocos de piripiri
  • sumo de 1 limão
  • salsa picada 

Preparação:

Cortar os bifes de frango em pequenas tiras. Temperar com sal, flocos de piripiri e sumo de limão. Deixar marinar alguns minutos, enquanto se preparam os restantes ingredientes.

Limpar e cortar os cogumelos em quatro. Reservar. Cortar os mini pimentos em tiras. Reservar. Cortar a cebola em meias luas e laminar os dentes de alho. Reservar.

Levar o wok ao lume a aquecer com um fio de azeite. Juntar a carne e saltear em lume médio até estar translúcida. Juntar os cogumelos, envolve e deixar cozinhar cerca de 10 minutos, para os cogumelos perderem a sua água. Adicionar a cebola, os dentes de alho e os pimentos. Envolver tudo e deixar cozinhar uns cinco minutos.

Regar com as natas de soja, deixar ferver um pouco, de forma a engrossar o molho. Retificar temperos, retirar do lume, polvilhar com salsa e servir. 

 

Entrecosto no forno com "arroz" de couve-flor

IMG_20170319_135947.jpg

 Ingredientes:

  • 2 kg de entrecosto
  • Sumo de três laranjas
  • 2 colheres de sopa de massa de alho
  • 1 colher de chá de pimentão doce
  • 1 colher de sopa de piripiri líquido
  • sal
  • 200 ml de vinho branco

 

Preparação:

Misturar, numa taça, a massa de alho (ou cerca de 6 dentes de alho esmagados), o pimentão doce, o piripiri e o sal, até obter uma pasta. Barrar o entrecosto com esta pasta e colocar num tabuleiro de ir ao forno.

Espremer as laranjas e regar com o sumo a carne já temperada. Cobrir o tabuleiro com película aderente e deixar marinar no frigorífico, de preferência de um dia para o outro.

Antes de levar ao forno, regar com vinho branco. Assar durante 1h30, inicialmente com o forno a 180º, mais tarde a 200º para tostar um pouco.

 

Para o arroz de couve-flor:

  • 1 couve-flor
  • 2 dentes de alho
  • azeite
  • sal

 

Separar a couve flor em floretes, lavar e escorrer bem. Triturar com a ajuda de um robot de cozinha: usei a Yämmi, 10 segundos, velocidade 5.

No wok aquecer um fio de azeite com os dentes de alho picados. Quando o alho começar a ficar douradinho, juntar a couve-flor triturada e temperar com umas pedras de sal. Envolver e deixar saltear alguns minutos, mexendo delicadamente. 

 

Foi a minha primeira experiência com este "arroz" de couve-flor, e eu que nem sou grande fã de couve-flor até fiquei agradavelmente surpreendida. Simples e rápido de fazer, saboroso e permite inúmeras utilizações e variedade de temperos. Como desta vez serviu para acompanhar entrecosto assado, optei por uma versão mais básica, mais neutra em temperos, uma vez que ia ter o molho da carne assada para lhe dar sabor. 

 

Rolo de peru recheado

 IMG_20170305_140124.jpg

 IMG_20170305_140954.jpg

 No talho onde costumo ir comprar carne vi lá um rolo recheado. Perguntei qual era o recheio e explicaram-me que era perna de peru desossada, recheada com alheira, linguiça e pimento. Não hesitei, e trouxe esse rolo recheado para o assado de domingo. Depois foi só temperar, levar ao forno e saborear.

Ingredientes:

  • sal
  • 1 limão (raspa e sumo)
  • pimentão doce
  • flocos de piripíri
  • tomilho seco
  • mel
  • margarina líquida

 

Preparação:

Pincelar uma folha de papel vegetal cm margarina líquida. Espalhar por cima da folha os temperos: sal, flocos de piripíri, pimentão doce, raspa de limão, tomilho seco e o mel. Enrolar o rolo recheado de perú com a ajuda da folha de papel vegetal, para que os temperos adiram à carne de forma uniforme.

Transferir o rolo para um tabuleiro, previamente barrado com a margarina, e regar com sumo de limão. Cobrir o tabuleiro com folha de alumínio e levar ao forno, previamente aquecido a 200º, cerca de 40 minutos. Findo o tempo, retirar a folha de alumínio e levar novamente ao forno para que a carne acabe de assar e fique dourada.

Ovos mexidos com salmão e cogumelos

IMG_20170209_205153.jpg

 Ou como aproveitar três postas de salmão assado que sobraram. 

 

Ingredientes:

  • Salmão (sobras de salmão assado)
  • 4 ovos
  • 100 ml de leite
  • 300 gr. de cogumelos frescos
  • 2 dentes de alho
  • sal
  • pimenta
  • azeite
  • salsa picada

 

Preparação:

Limpar o salmão de peles e espinhas e lascar. Reservar.

Limpar e laminar os cogumelos. Aquecer o wok com um fio de azeite. Cozinhar os cogumelos até que libertem a água e comecem a ficar dourados. Juntar-lhes os dentes de alho picados e deixar cozinhar um pouco. Juntar o salmão em lascas, envolver nos cogumelos.

Bater os ovos com o leite, temperar com sal e pimenta. Adicionar aos cogumelos e salmão e mexer até estarem cozinhados. Polvilhar com salsa picada. 

Servir com uma salada, ou com umas fatias de pão rústico. 

 

Courgette à Brás com salsichas

IMG_20170221_205928.jpg

 Ingredientes:

  • 2 courgettes
  • 5 salsichas de porco (usei as do Lidl, fumadas, embaladas em vácuo)
  • 6 ovos
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • sal
  • azeite
  • pimenta
  • salsa picada

 

Preparação:

Lavar as courgettes e ralar, com casca. Reservar.

Cortar as salsichas às rodelas. Reservar.

Bater os ovos e temperar com pimenta e sal. Reservar.

Num tacho largo refogar em azeite a cebola picada e os dentes e alho picados. Quando a cebola começar a estalar e a ficar murcha, juntar a courgette ralada e deixar cozinhar. A courgette vai libertar água. Ou a deixam cozinhar até a água evaporar, ou se não querem a courgette tão cozinhada, escorram o excesso de água. 

Juntar as salsichas e envolver na courgette. Por fim, juntar os ovos batidos e mexer bem, para que se envolvam na courgette, até estarem cozinhados. Polvilhar com salsa picada. 

 

Simples, rápido e muito prático para levar nas marmitas do almoço.

 

Pés de porco na púcara com puré de cenoura

IMG_20170228_134417.jpg

Nem toda a gente deve gostar. Cá por casa achamos um bom petisco. Numa ida ao talho, vi estes pés de porco e achei boa ideia estufá-los na púcara de barro. 

 

Ingredientes:

  • 8 pés de porco (já os trouxe cortados ao meio)
  • 1 cebola picada
  • 2 dentes de alho picados
  • tomilho fresco
  • azeite
  • sal
  • 1 malagueta
  • 200 ml de vinho branco

 

Preparação:

Refogar, ligeiramente, a cebola picada, os dentes de alho picados e a malagueta, também picada, num fio de azeite. Quando a cebola começar a murchar, juntar os pés de porco, temperar com sal, polvilhar por cima com o tomilho e regar com o vinho branco.

Deixar cozinhar em lume brando, com a púcara de barro tapada, tendo o cuidado de ir agitando de vez em quando para a carne não pegar no fundo.

Acompanhei com puré de cenoura. 

IMG_20170228_134644.jpg

 

Esparguete com cogumelos

IMG_20170304_132450.jpg

 Num daqueles sábados em que andei a manhã ocupada com tarefas domésticas, só ia às compras à tarde, pelo que o frigorífico estava bastante desfalcado, para o almoço havia a hipótese de ir comer qualquer coisa ao centro comercial, ir buscar um frango de churrasco, ou desenrascar um prato simples em casa. Escolhi a terceira opção. Tinha cogumelos frescos a precisar de ser consumidos, pelo que a ideia de um esparguete com cogumelos veio logo à ideia. E como por aqui adoramos massas, a ideia era ótima.

 

Ingredientes:

  • Esparguete (quantidade a gosto ou necessária)
  • 300 gr de cogumelos frescos
  • 2 dentes de alho picados
  • azeite q.b.
  • 200 ml de natas de soja
  • sal q.b.
  • Moinho 5 pimentas
  • 1 colher de chá de açafrão
  • salsa picada

 

Preparação:

Cozer o esparguete em água temperada de sal e azeite. Quando estiver al dente, reservar, juntamente com um pouco da água da cozedura.

Laminar os cogumelos. Aquecer o wok e cozinhar os cogumelos num fio e azeite, até estes libertarem a água e começarem a ficar douradinhos. Juntar os dentes de alho picados e envolver. À parte, misturar as natas com a pimenta e o açafrão. Juntar as natas aos cogumelos e deixar ferver. Para que fique mais cremoso, juntar um pouco de água de cozer o esparguete aos cogumelos, e logo de seguida o esparguete. Envolver bem, polvilhar com salsa picada e servir. 

Para quem aprecia, pode juntar queijo ralado no momento de servir.