Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Na Cozinha da Raiozinho

Na Cozinha da Raiozinho

Pastelão de bacalhau

IMG_20160530_211321.jpg

Ando numa fase de procurar receitas simples de fazer, rápidas, práticas para já deixar marmitas de almoços preparadas. O tempo é pouco, em contra relógio, a paciência para enfrentar tachos e panelas também não anda nos melhores dias. Assim, quando vejo ideias de refeições que reúnem estas condições, eu rejubilo, como quem encontra um oásis no meio do deserto. Esta receita de pastelão de bacalhau foi um verdadeiro achado. Não só é simples, prática, rápida, como também é saudável. Num daqueles dias em que não tinha nada planeado para o jantar, o que implica não ter deixado nada a descongelar, esta receita salvou-me o jantar e as marmitas. O melhor de tudo? É deliciosa!

 

Ingredientes:

  • 1 embalagem de 500 gr. de migas de bacalhau
  • 750 gr de brócolos congelados
  • 1 cebola
  • salsa picada
  • 6 ovos
  • pimenta branca
  • sal
  • azeite
  • azeitonas (opcional)

 

Preparação:

Cozer as migas de bacalhau em água. Quando estiverem cozidas, retirar e reservar. Na mesma água, cozer os brócolos, temperando com um pouco de sal.

Desfiar bem as migas, bater os ovos e temperar com pimenta. Picar a cebola e a salsa. 

Quando os brócolos estiverem cozidos, escorrer bem e amassar grosseiramente. Juntar os brócolos amassados às migas de bacalhau, misturar a cebola e a salsa picadas. Adicionar os ovos batidos e envolver bem os ingredientes.

Levar ao lume uma frigideira com um fio de azeite (optei pela frigideira média, aquela que utilizo para panquecas, por ser mais fácil para virar do que se utilizasse a maior). Colocar uma concha do preparado na frigideira, espalhar bem e deixar cozinhar em lume brando, até dourar sem queimar. Quando estiver firme, virar com a ajuda de uma espátula (se for necessário recorrer ao auxílio de um prato) e deixar cozinhar do outro lado mais alguns minutos. Este pastelão fica semelhante a uma panqueca, pelo que o método de o cozinhar é semelhante. Repetir o processo até acabar o preparado. Estas quantidades deram-me seis pastelões.

Servi ornamentado com umas azeitonas e um fio de azeite. 

IMG_20160530_213549.jpg

No dia seguinte, à temperatura ambiente, estava uma delícia para o almoço, tornando este pastelão uma excelente alternativa para almoços de marmita.

A receita original foi um aproveitamento de sobras de bacalhau cozido e brócolos, eu fiz de raiz e o resultado foi excelente. Muito saboroso e simples de fazer. 

Uma sugestão a repetir mais vezes, sem dúvida nenhuma.