Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Na Cozinha da Raiozinho

Na Cozinha da Raiozinho

Entrecosto no forno com "arroz" de couve-flor

IMG_20170319_135947.jpg

 Ingredientes:

  • 2 kg de entrecosto
  • Sumo de três laranjas
  • 2 colheres de sopa de massa de alho
  • 1 colher de chá de pimentão doce
  • 1 colher de sopa de piripiri líquido
  • sal
  • 200 ml de vinho branco

 

Preparação:

Misturar, numa taça, a massa de alho (ou cerca de 6 dentes de alho esmagados), o pimentão doce, o piripiri e o sal, até obter uma pasta. Barrar o entrecosto com esta pasta e colocar num tabuleiro de ir ao forno.

Espremer as laranjas e regar com o sumo a carne já temperada. Cobrir o tabuleiro com película aderente e deixar marinar no frigorífico, de preferência de um dia para o outro.

Antes de levar ao forno, regar com vinho branco. Assar durante 1h30, inicialmente com o forno a 180º, mais tarde a 200º para tostar um pouco.

 

Para o arroz de couve-flor:

  • 1 couve-flor
  • 2 dentes de alho
  • azeite
  • sal

 

Separar a couve flor em floretes, lavar e escorrer bem. Triturar com a ajuda de um robot de cozinha: usei a Yämmi, 10 segundos, velocidade 5.

No wok aquecer um fio de azeite com os dentes de alho picados. Quando o alho começar a ficar douradinho, juntar a couve-flor triturada e temperar com umas pedras de sal. Envolver e deixar saltear alguns minutos, mexendo delicadamente. 

 

Foi a minha primeira experiência com este "arroz" de couve-flor, e eu que nem sou grande fã de couve-flor até fiquei agradavelmente surpreendida. Simples e rápido de fazer, saboroso e permite inúmeras utilizações e variedade de temperos. Como desta vez serviu para acompanhar entrecosto assado, optei por uma versão mais básica, mais neutra em temperos, uma vez que ia ter o molho da carne assada para lhe dar sabor. 

 

Frango assado com laranja e limão, acompanhado de arroz de laranja

Sou apreciadora de frango. É das carnes que mais consumo, e por isso, não me canso de ver novas formas de o temperar e cozinhar.

Recentemente cruzei-me com esta receita e achei-a simplesmente perfeita para um daqueles assados de domingo, em que se colocam ingredientes simples num tabuleiro, leva-se ao forno e a magia acontece.

Para acompanhar este frango, fiz um delicioso arroz de laranja. E claro, a salada verde não podia faltar.

P1010019.JPG

Ingredientes:

  • 3 pernas (com costas) de frango (cortadas ao meio)
  • 1 laranja
  • 1 limão
  • sal
  • 1 fio de azeite

 

Preparação:

Dispor os bocados de frango, com a pele virada para baixo, num tabuleiro de ir ao forno. Temperar com sal, raspa de laranja e de limão. Cortar a laranja e o limão às rodelas e distribuir por cima da carne. Regar com um fio de azeite.

Levar ao forno pré-aquecido a 180º, aproximadamente 45 a 60 minutos. A meio do tempo, virar os bocados do frango, deixando a pele para cima, para ao acabar de assar, poder tostar e ficar dourado.

 

P1010018.JPG

 

Para o arroz de laranja:

  • 1 cebola picada
  • 1 laranja (raspa e sumo)
  • 1 chávena de arroz vaporizado(cerca de 200gr)
  • azeite
  • sal

Preparação:

Refogar a cebola picada com a raspa de laranja num fio de azeite. Quando a cebola estiver translúcida e a começar a estalar, juntar o arroz e deixar fritar um pouco.

Refrescar com o sumo de laranja, deixando cozinhar entre 3 a 4 minutos.

Adicionar a água, temperar de sal, e deixar cozer, mexendo ocasionalmente.

P1010021.JPG

 Uma conjugação perfeita, este frango assado com citrinos e o arroz de laranja. 

 

Dourada no forno com limão e tomilho

P1010018.JPG

Ingredientes:

  • 2 douradas inteiras
  • sumo de 2 limões
  • sal q.b.
  • tomilho seco
  • pimentão doce q.b.
  • alho moído q.b.
  • moinho 5 pimentas
  • azeite
  • 2 batatas doces
  • 4 dentes de alho
  • um punhado de folhas de espinafre

 

Preparação:

Lavar o peixe e dar-lhe um golpe a meio, de ambos os lados. Dispor num tabuleiro de ir ao forno, à parte misturar o sumo de limão com azeite e regar o peixe. Polvilhar com alho moído (ou em pó), pimentão doce e o tomilho. Regar com um fio de azeite e levar a forno quente, a 180º, cerca de 40 minutos, ou até ver que o peixe está assado.

P1010017.JPG

Para acompanhamento cozi duas batatas doces às rodelas, com casca. Depois de cozidas e escorridas, aqueci azeite no wok com os dentes de alho esmagados. Juntei as batatas doces e, com ajuda de uma colher, desfiz grosseiramente as rodelas. Juntei as folhas de espinafre, envolvi bem até estas murcharem um pouco.

P1010020.JPG

 Eu sei que os meus empratamentos ficam muito aquém do que se vê por aí, mas a fome apertava, e o cheirinho era bom demais para poder esperar mais para apreciar esta delícia. 

Salmão grelhado com salada de feijão frade

 

Por estes dias, aproveitei um pouco mais de tempo que tinha e cozi feijão frade. Normalmente deixo a demolhar de um dia para o outro, cozo em água temperada de sal, distribuo por recipientes de plástico e congelo juntamente com um pouco de água da cozedura. O feijão frade já foi, para a próxima será grão de bico e feijão branco. 

Mas já que tinha o feijão frade acabado de cozer, não pensei muito mais no que faria para acompanhar um salmão grelhado. Saiu uma deliciosa salada de feijão frade com tomate cereja.

IMG_20160227_213011.jpg

Ingredientes:

  • 2 postas de salmão
  • sumo de 1 laranja
  • sal
  • feijão frade cozido
  • um punhado de tomates cereja vermelhos e amarelos
  • meia cebola roxa picada
  • salsa picada
  • flor de sal
  • azeite a gosto

 

Preparação:

Temperar o salmão com sal e o sumo de laranja. Deixar alguns minutos a tomar gosto, grelhar em chapa quente no fogão.

Entretanto misturar o feijão frade com os tomates cereja, cortados em quatro, a cebola roxa picada, a salsa picada, temperar com um pouco de flor de sal, azeite e vinagre.

Servir com o salmão grelhado.

 

Nota: esta salada de feijão frade pode ser enriquecida com atum desfiado ou ovo cozido, dando uma ótima refeição ligeira para a marmita. 

 

Salteado de couve com broa e bacon

 

 

Quando fiz este bacalhau, sobrou-me broa picada com bacon. Na altura guardei num saco plástico e congelei. A ideia era de futuro repetir a receita do bacalhau, ou fazer outra variação da receita, usando a broa com bacon.

No entanto, acabou para fazer um acompanhamento diferente, mas muito saboroso.

Aproveitei que tinha bacalhau a demolhar e quando o escorri para congelar, aproveitei as "orelhas" do bacalhau para cozer. Ora, como bacalhau cozido não tem piadinha nenhuma, lembrei-me de fazer um acompanhamento enriquecido. Lembrei-me da broa com bacon. Juntei couve cortada em juliana. Salteei tudo em azeite com dentes de alho picados. E o resultado foi: 

P1190002.JPG

 P1190004.JPG

 

Gostei bastante do resultado final, e já imagino como acompanhamento para outras coisas, como peixe grelhado, carne grelhada, ou juntar um ovo escalfado, ou estrelado, e comer assim mesmo. 

Deixo a sugestão. 

 

Noodles com legumes asiáticos

PA050008.JPG

Ingredientes:

  •  250 gr de noodles
  • 250 gr de mistura de legumes asiáticos (compro a do Lidl)
  • 1 colher de sopa de óleo de sésamo
  • 2 colheres de sopa de molho de soja
  • 1 cebola
  • 1 dente de alho
  • sal q.b.

 

Preparação:

Levar água a ferver, temperada de um pouco de sal e uma colher de sopa de soja. Quando ferver, apagar o lume, juntar os noodles e deixar repousar durante 4 minutos. Escorrer.

Entretanto, aquecer o wok com o óleo de sésamo e alourar a cebola cortada em cubos e o dente de alho laminado. Quando a cebola estiver a ficar dourada e a estalar, juntar a mistura de legumes asiáticos e deixar cozinhar em lume brando. Juntar os noodles, regar com uma colher de molho de sopa de soja, envolver bem.

Pode servir como refeição principal, ou como acompanhamento. 

 

 

Salmão grelhado com esmagada de batata

P8120005.JPG


 Ingredientes:



  • 2 postas de salmão

  • raspa de limão q.b.

  • azeite

  • flor de sal

  • batatas (entre 6 a 8, depende da quantidade desejada e do tamanho das mesmas)

  • sal

  • 1 cebola pequena picada

  • 2 dentes de alho picados

  • salsa picada a gosto


 


Preparação:


Temperar as postas de salmão com umas pedras de flor de sal, um fio de azeite e raspa de limão. Reservar.


Cozer as batatas, cortadas às rodelas, em água temperada de sal. Enquanto cozem, picar a cebola, os dentes de alho e a salsa. Reservar. Escorrer as batatas. Alourar a cebola juntamente com os dentes de alho em azeite. Juntar as batatas cozidas e, com recurso a um esmagador, esmagar as batatas grosseiramente, envolvendo-as na cebola e alho. Polvilhar com a salsa picada, envolver bem, regar com azeite se necessário. Por opção não temperei com pimenta, mas para quem quiser, pode ainda temperar com pimenta, noz moscada.


Grelhar as postas de salmão e servir com a esmagada de batata e uma salada de tomate e pepino.


 


Comida com cores e sabores de verão. Experimentei esmagada de batata recentemente, nas férias no Alentejo, e apesar de não ser muito apreciadora de batata, a verdade é que adorei. Tanto queno regresso a casa não tardei a reproduzir a esmagada de batata. Estou fã! 


 

Batata doce assada com abóbora

Para um acompanhamento diferente, com as cores e sabores da estação. 


PB030004.JPGPB030005.JPG


 Ingredientes:



  • 2 batatas doces cortadas às rodelas (com casca)

  • 1 pedaço de abóbora menina em cubos (com casca)

  • pimenta (moinho 5 pimentas)

  • flor de sal

  • 1 dente de alho picado

  • tomilho a gosto

  • 1 folha de louro

  • salsa a gosto

  • azeite


Humedecer papel vegetal e forrar um tabuleiro de ir ao forno com ele. Numa taça colocar as batatas cortadas às rodelas e a abóbora em cubos. Temperar com a pimenta, a flor de sal, a folha de louro partida, o dente de alho picado e um pouco de azeite. Envolver tudo e espalhar pelo tabuleiro. Polvilhar com tomilho e salsa, regar com um fio de azeite e levar a forno quente a 200º entre 25 a 30 minutos. 

Salmão com molho de laranja e vinho do Porto

Há receitas que vejo em blogs e decido logo fazê-la. Foi o caso deste salmão. Alterei a receita. No dia em que a fiz dava-me mais jeito levar o peixe ao forno, em vez de o grelhar. Ficou divinal. Um dia deste faço a versão grelhada.



 Ingredientes:



  • 2 postas de salmão (eram tão grandes, que só comi metade e a outra metade foi para o almoço do dia seguinte)

  • sal

  • moinho 5 pimentas

  • sumo de meio limão

  • sumo de duas laranjas

  • 1 cálice de Vinho do Porto


Temperar as postas de salmão com sal e pimenta. Colocar num tabuleiro de ir ao forno. Regar o peixe com os sumos de limão e laranja, juntar o cálice de Vinho do Porto. Levar a forno quente a 200º cerca de 20 minutos.



 Acompanhei com migas de couve flor.


 

Hoje não há receita porque não fui eu a chef :)


 

J* anda viciado no 24 Kitchen. Vai daí, viu uma receita que lhe despertou a atenção e os sentidos para chef. Ora pois que hoje foi ele que tomou conta da cozinha e dos tachos. Eu não vi a confecção. Deixei o chef principiante à vontade, dono e senhor do fogão, dos tachos. Só rezava para que a barafunda para eu arrumar e limpar não fosse catastrófica, como costuma ser.

Ora pois que o jantarinho estava uma delícia. E a cozinha inteira. 

 

Receita que ele fez aqui. Sei que trocou a couve romanesca por bróculos. De resto, não vi, não sei. Mas estava bom. E ele deve ter seguido a receita à letra. Se ele conseguiu, qualquer um consegue. Ah ah ah ah