Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Na Cozinha da Raiozinho

Na Cozinha da Raiozinho

Peixe à Gomes de Sá, com batata doce e alho francês

IMG_20170619_201608.jpg

 Ingredientes:

  • 400 gr. de filetes de pescada (ou outro peixe branco, ou sobras de peixe cozido/assado)
  • 3 a 4 batatas doce médias
  • 1 alho francês
  • 1 cebola
  • 4 ovos
  • sal
  • pimenta
  • azeite
  • folha de louro

 

Preparação:

Cozer o peixe (caso não haja sobras a aproveitar), juntamente com os ovos e as batatas cortadas às rodelas, em água temperada de água, sal e uma folha de louro.

Quando estiver cozido, escorrer e reservar. Descascar os ovos, picá-los grosseiramente, ou cortá-los às rodelas, e reservar.

Num tacho largo refogar a cebola, cortada às rodelas finas, em azeite. Quando a cebola começar a amolecer, juntar o alho francês, previamente lavado e cortado em juliana fina. Deixar cozinhar durante alguns minutos.

Adicionar o peixe, as batatas e os ovos cozidos ao refogado, envolver delicadamente. Temperar com pimenta a gosto, retificar sal e regar com um fio de azeite antes de servir.

Pode-se polvilhar com salsa picada (não tinha na altura), e guarnecer com azeitonas. 

 

Atualização

Shame on me... já fui de férias, ja voltei de férias, e disponibilidade para dedicar a este cantinho zero. Confesso que se a maior parte das vezes é falta de tempo, também há uma parte de falta de vontade, de ter mais que fazer, de não me apetecer. E os rascunhos foram acumulando em posts semi preparados para verem, um dia, a luz do dia.

Ora acontece que receitas que me saem na hora, ou que "invento", se não aponto logo, passado umas semanas já mal me lembro de como fiz ou exatamente que ingredientes usei. Acabo por eliminar os respetivos rascunhos.

Salvam-se aquelas receitas que vou guardando deste e daquele blog para experimentar. É provável que tenha feito as minhas alterações, faço quase sempre, mas como já se passou algum (tanto) tempo desde que fiz as receitas, deixo aqui em jeito de partilha as fotos dos meus resultados e o link da receita que me inspirou.

Gostaria de prometer mais assiduidade no futuro. Não gosto de prometer sabendo que a probabilidade de falhar é enorme. Ponderei encerrar o blog. Mas custa-me um bocadinho, até porque este blog começou por ser uma forma de eu compilar as receitas que ia fazendo, as ideias que ia tendo, e poder partilhar com outras pessoas e trocar ideias e dicas tornou a experiência enriquecedora. Sem falar que também é um desafio para experimentar novas receitas, novos sabores, novas combinações e temperos.

Por ora não encerro o blog. Mas publicarei quando puder e se tiver novidades dignas de registo. É que nos últimos tempos a disponibilidade e vontade para me dedicar à cozinha também não têm sido muitas, pelo que me vou ficando pelos básicos grelhados com saladas, pratos já conhecidos e repetidos, e pouco mais.

Sem pressões e este espaço manter-se-á em atividade, por pouca que seja. 

Agora fica a partilha de três receitas que experimentei nos últimos meses. 

  Empadão de bacalhau com batata doce e espinafres

 

Frango assado com maçãs

 

IMG_20170522_204147.jpg

Tiras de frango com tomate e mozzarela no forno

 

Dourada no forno com limão e tomilho

P1010018.JPG

Ingredientes:

  • 2 douradas inteiras
  • sumo de 2 limões
  • sal q.b.
  • tomilho seco
  • pimentão doce q.b.
  • alho moído q.b.
  • moinho 5 pimentas
  • azeite
  • 2 batatas doces
  • 4 dentes de alho
  • um punhado de folhas de espinafre

 

Preparação:

Lavar o peixe e dar-lhe um golpe a meio, de ambos os lados. Dispor num tabuleiro de ir ao forno, à parte misturar o sumo de limão com azeite e regar o peixe. Polvilhar com alho moído (ou em pó), pimentão doce e o tomilho. Regar com um fio de azeite e levar a forno quente, a 180º, cerca de 40 minutos, ou até ver que o peixe está assado.

P1010017.JPG

Para acompanhamento cozi duas batatas doces às rodelas, com casca. Depois de cozidas e escorridas, aqueci azeite no wok com os dentes de alho esmagados. Juntei as batatas doces e, com ajuda de uma colher, desfiz grosseiramente as rodelas. Juntei as folhas de espinafre, envolvi bem até estas murcharem um pouco.

P1010020.JPG

 Eu sei que os meus empratamentos ficam muito aquém do que se vê por aí, mas a fome apertava, e o cheirinho era bom demais para poder esperar mais para apreciar esta delícia. 

Salteado de salmão com batata doce e couve

Na semana passada aproveitei para fazer render as potencialidades da Yämmi. Tinha uma sopa de espinafres a fazerno copo, aproveitei e pus no tabuleiro de vapor dois lombos de salmão, batata doce às rodelas e couve coração a cozer.

 12743832_986841121404371_7905827065361614892_n.jpg

 

Depois de sopa pronta, decidi fazer um salteado com o salmão, a batata doce e a couve. Assim, recorri ao meu amigo Wok, azeite, cebola cortada de meias luas e alho picado lá para dentro. Comecei por saltear a batata doce, depois juntei a couve, e por fim o salmão lascado. Vaporizei com um pouco de vinagre balsâmico, reguei com um fio de azeite, e estava pronto a servir.

 P2220018.JPG

E assim, com um simples salteado, dei um twist no sabos dos alimentos cozidos ao vapor. Rendeu uma boa quantidade para os almoços das marmitas. 

P2220019.JPG

 

Bolos de salmão e batata doce

 

P1310016.JPG

Ingredientes: 

  • 4 a 5 batatas doces médias
  • 2 lombos de salmão
  • 2 gemas
  • 1 raminho de salsa picada
  • 1 cebola picada
  • sumo de 1 limão
  • farinha de trigo q.b.
  • 1 fio de azeite

 

Preparação:

Levar a batata doce a cozer, descascada e cortada às rodelas, em água temperada de sal. Quando cozida, escorrer, e amassar as batatas com um amassador de batatas

Cortar os lombos de salmão em cubinhos, juntar à batata doce esmagada. Juntar a cebola bem picada, a salsa picada, as duas gemas e o sumo de limão. Misturar muito bem, envolvendo todos os ingredientes. Podem retificar sal e temperar com pimenta. 

Moldar bolinhas, passar por farinha, achatá-las um pouco e dispor num tabuleiro forrado com papel vegetal, por sua vez untado com um fio de azeite. Levar a forno quente a 200º até dourarem.

Servir como petisco ou acompanhar com uma salada.

P1310017.JPG

 

Salada de atum com batata doce

Há aqueles dias em que a vontade ou disposição para enfrentar a cozinha não é lá grande coisa. Há aqueles dias em que não se pensou em nada, não se deixou nada a descongelar, não se faz a mínima ideia do que fazer para jantar. E nesses dias ou se faz uso da imaginação e do desenrasca, ou se passa pelo take away mais próximo.

Esta salada de peixe foi fruto da imaginação com o desenrasca. E que belo fruto. A necessidade faz o engenho, e por vezes é nestes desenrascas que surgem estas boas ideias, com potencial a serem desenvolvidas em refeições futuras.

PB040025.JPG

Ingredientes:

  • 4 batatas doces grandes (pode usar da batata normal)
  • 4 ovos
  • 3 latas de atum ao natural
  • 3 cenouras
  • 1/2 cebola roxa picada
  • sal
  • azeite
  • vinagre
  • pimenta (opcional)
  • salsa picada a gosto

 

Preparação:

Levar as batatas cortadas às rodelas e as cenouras em meias luas a cozer em água temperada de sal. 

Quando cozidas, escorrer. Transferir para uma saladeira. Juntar o atum previamente escorrido, a cebola picada, os ovos picados grosseiramente e a salsa picada, envolver tudo, temperar com pimenta, azeite e vinagre.

Servir com um sorriso! Uma salada quente, leve, deliciosa, prática, simples, rápida e eficaz. Só coisas boas, portanto. 

 

Salmão à Gomes de Sá com batata doce

Gostei tanto, mas tanto desta receita, que voltei a repeti-la, mas com um twist: batata doce. Adoro a combinação salmão e batata doce, e esta versão de salmão à Gomes de Sá com batata doce é muito, mas mesmo muito, boa.

PA290025.JPG

 

Ingredientes:

  •  4 batatas doces
  • 2 lombos de salmão
  • 2 ovos
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • salsa picada q.b.
  • vinagre
  • azeite
  • sal

 

Preparação:

Levar o salmão a cozer, juntamente com os ovos, em água temperada de sal. Quando ferver, retirar os lombos de salmão e juntar as batatas cortadas às rodelas. Deixar cozer.

Cortar a cebola em meias luas, laminar os dentes de alho. Levar a alourar em azeite. Juntar o salmão em lascas e deixar saltear. Entretanto juntar as batatas e os ovos cozidos, cortados às rodelas. Envolver, partindo grosseiramente as rodelas de batata. Regar com azeite e umas gotas de vingre. Retirar do lume e polvilhar generosamente com salsa picada.

PA290026.JPG

 

Dourada ao vapor com batata doce e espargos

Uma das grandes vantagens da Yämmi é poder cozinhar em pirâmide, várias coisas ao mesmo tempo, e cozinhar ao vapor, que é assim das coisas que eu mais gosto.


Enquanto preparava um creme de courgette, pus nas bandejas de vapor batata doce, espargos e dourada. Um delicioso e saudável jantar.


 


P6150009.JPG


 


 Ingredientes:



  • 2 douradas

  • 1 molho de espargos

  • 4 a 6 batatas doces cortadas às rodelas

  • 1 colher de chá de alho moído

  • 1 colher de chá de pimentão doce

  • flor de sal

  • azeite


 


Preparação:


No nível inferior da bandeja colocar as rodelas de batata doce e temperar com flor de sal, alho moído e pimentão doce. Mexer para envolver os temperos. Acamar, por cima dispor os espargos previamente lavados e arranjados e regar com um fio de azeite. No nível superior da bandeja de vapor, dispor as douradas inteiras. Temperar com flor de sal e um fio de azeite.


Programar 30 minutos, velocidade 1, temperatura ST. No fim verificar se é necessário mais algum tempo para acabar de cozer. Como eu estava, em simultâneo a preparar o creme de courgette, e como vi que as batatas ainda precisavam de mais um bocadinho de tempo, programei mais 10 minutos, mantendo velocidade e temperatura. 


 

Douradas no forno com batata doce

 Inverno é sinónimo de pratos de forno. Aquecem o estômago, confortam a alma, e o cheirinho quente que se espalha pela cozinha dá mesmo a sensação de aconchego no lar.


Num dia difícil, cansativo, demasiado longo, chegar a casa e preparar um assado é como uma terapia relaxante. Ao contrário do que parece, um assado é só juntar temperos e ingredientes num tabuleiro, e o forno faz a sua magia, enquanto nós podemos relaxar um pouco, enquanto o apetite vai despertando com os aromas. 


Este assado foi um bálsamo num dia complicado. Deixo a sugestão.


 


P2170001.JPG


 


P2170003.JPG


Ingredientes:



  • 2 douradas

  • 4 batatas doces

  • 3 dentes de alho

  • 1 colher de chá de pimentão doce

  • moinho 5 pimentas

  • 1 bocadinho de gengibre fresco (tamanho de uma noz)

  • 1 colher de chá de alecrim

  • sumo de 1 limão

  • azeite

  • sal


 


Lavar as batatas doces com a pele. Cortar em palitos grossos, da espessura de um dedo.


Num tabuleiro de ir ao forno colocar os temperos: pimentão doce, dentes de alho esmagados, gengibre fresco em pedaços, alecrim, pimentas, regar com um fio de azeite. Escorrer as batatas e colocá-las no tabuleiro. Envolver com os temperos e espalhar os palitos das batatas de maneira a fazer uma cama. Por cima dispor as douradas. Temperar com sal, regar com o sumo de limão e mais um pouco de azeite.


Levar a forno quente a 200º entre 40 a 45 minutos, até os ingredientes estarem assados e dourados.


Acompanhar com uma salada verde.


 

Creme de lentilhas com batata doce e abóbora

Sopas. Tenho apostado nas sopas. Há lá melhor confort food nos dias frios do que uma sopa bem quente, bem saborosa, bem acolhedora? Ainda por cima é saudável e ajuda à dieta. Tudo em bom.


 


P1300008.JPG


 


Ingredientes:



  • 1 courgette

  • 1 cebola

  • 2 batatas doces médias

  • 1 chávena de lentilhas vermelhas

  • aprox. 250 gr de abóbora

  • folhinhas de tomilho seco

  • 900 ml de água

  • sal e azeite a gosto


 


Colocar no copo da Yämmi os legumes cortados em pedaços pequenos, juntar as lentilhas, cobrir com água, temperar com o tomilho, sal e azeite. Programar vel. 1, temperatura 100º, 30 minutos. Terminado o tempo, triturar durante dois minutos, começando na vel. 3 e aumentando gradualmente até à 7. 


Optei por deixar só creme, mas juntar umas folhas de agrião ou de espinafre deve ser uma delícia. A experimentar numa próxima.