Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Na Cozinha da Raiozinho

Na Cozinha da Raiozinho

Arroz de marisco

IMG_20170514_140553.jpg

Não terá segredos, nem inovações dignas de um masterchef. Foi um arroz de marisco caseiro, que serviu de almoço para um domingo de sol preguiçoso, que arrasta consigo um cheirinho a verão antecipado. E soube maravilhosamente bem...

 

Ingredientes:

  • 1 embalagem de preparado de marisco
  • 2 chávenas de arroz
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • 1 lata de tomate
  • 1 malagueta piripíri
  • 1 folha de louro
  • 1/2 pimento vermelho
  • sal
  • azeite
  • 200 ml de vinho branco
  • salsa picada a gosto
  • sumo de limão

 

 IMG_20170514_140900.jpgPreparação:

Num tacho largo cobrir o fundo com azeite. Juntar a cebola picada, os dentes de alho picados, a malagueta picada e deixar refogar tudo até a cebola estar dourada. Acrescentar o tomate pelado, bem picado, juntamente com a polpa da lata, o pimento vermelho cortado em cubos, e a folha de louro. Deixar levantar fervura. Juntar o preparado de marisco (previamente lavado e escorrido), envolver delicadamente. Refrescar com o vinho branco e deixar cozinhar em lume brando até começar a ferver. Adicionar o arroz, a água (previamente aquecida), ou caldo de marisco, se preferirem. Deixar cozinhar o arroz em lume médio, mexendo delicadamente de vez em quando, acrescentar água quente, caso comece a ficar seco e o arroz ainda não tenha cozido totalmente. Quando o arroz estiver aberto e cozido, regar com sumo de um limão, polvilhar generosamente com salsa picada e degustar com um sorriso guloso.

Robalo no forno com limão e salsa

IMG_20170424_202741.jpg

O tempo por aqui tem sido escasso. Quer para publicar receitas, quer para me dedicar à cozinha. As refeições querem-se simples e rápidas, sem grandes inovações ou invenções. Recorrer aos pratos banais é aposta segura. Por isso, e ainda que tenha algumas receitas nos rascunhos à espera de ver a sua vez no blog, a verdade é que não há muitas novidades dignas de publicação.

Hoje, véspera de feriado, sobra um bocadinho de tempo e disponibilidade para me sentar e dedicar um pouco de tempo à cozinha virtual. Podia começar por uma das receitas em rascunho mais "antigas", mas não. Escolho precisamente o que fiz hoje para o jantar. Na premissa do simples e rápido, ainda assim digna de registo e partilha.

 

Ingredientes:

  • 4 robalos pequenos/médios
  • azeite
  • alho em pó
  • pimenta branca
  • sal
  • 1 limão
  • salsa

 

Preparação:

Lavar os robalos e dispor num tabuleiro de ir ao forno. Temperar com sal, alho em pó e pimenta branca. Espalhar raminhos de salsa por cima, regar com sumo de meio limão e azeite. Cortar a outra metade do limão às rodelas e colocar por cima do peixe.

Levar a forno previamente aquecido a 200º cerca de 30 minutos.

Acompanhei com uma salada. 

 

Dourada assada no forno

IMG_20170204_211925.jpg

 Ingredientes:

  • 2 douradas de tamanho médio
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • salsa
  • 1 lata de tomate pelado
  • sal q.b.
  • azeite a gosto

 

Preparação:

Num tabuleiro de ir ao forno cobrir o fundo com a cebola cortada em meias luas, os dentes de alho laminados, uns raminhos de salsa, o tomate cortado em pedacinhos, juntamente com a polpa. Dispor por cima o peixe, salpicar com umas pedras de sal e regar com azeite a gosto.

Levar a forno, previamente aquecido a 200º, cerca de 30 minutos.

Acompanhar com bróculos cozidos, ou outros legumes a gosto.

 

Salmão no forno com laranja, mel e mostarda

Gostei tanto de ter feito salmão inteiro assado no forno que voltei a repetir, mas com temperos diferentes. 

Aproveitei que o salmão inteiro estava em promoção, novamente, no Pingo Doce e decidi comprar um médio para assar no domingo. Almoço de domingo em tempo frio pede comidas reconfortantes, e o forno, sem dúvida, proporciona esses pratos que aquecem o estômago e a alma. Para variar da carne, aí vai uma proposta de salmão.

 

IMG_20170115_134618.jpg

 Ingredientes:

  • 1 salmão inteiro, médio
  • sal q.b.
  • sumo de 4 laranjas
  • 1 colher de sopa bem cheia de mel
  • 1 colher de sopa de mostarda
  • alecrim q.b.

 

Preparação:

Dar uns golpes no salmão. Novamente tive de o cortar ao meio para caber no tabuleiro que tenho. 

Temperar com sal e alecrim.

À parte espremer o sumo das laranjas e misturar o mel e a mostarda. Quando os ingredientes estiverem bem envolvidos, regar o salmão com o preparado. Deixar marinar, pelo menos 30 minutos. Levar a forno previamente aquecido a 200º entre 25 a 30 minutos.

 

Hambúrgueres de peixe com aveia

IMG_20170117_193139.jpg

 IMG_20170117_202215.jpg

Inspirei-me em duas receitas para estes hambúrgueres de peixe com aveia. Esta e esta. Assim, os hambúrgueres que hoje vos apresento é uma adaptação minha juntando elementos de uma e de outra receita. 

 

Ingredientes:

  • 400 gr de filetes de pescada
  • 1/2 pimento vermelho
  • 3 dentes de alho
  • 1 cebola
  • 1 ovo
  • 250 gr. de farinha de aveia
  • sal q.b.
  • pimenta branca q.b.
  • salsa picada a gosto (não tinha, usei uma colher de sopa de cebolinho desidratado)
  • azeite q.b.

 

Preparação:

Para a farinha de aveia usei flocos finos de aveia integral, que pulverizei na Yämmi: colocar os flocos no copo, programar 1 minuto, velocidade 10. Farinha pronta. Reservar.

Sem lavar o copo, picar a cebola e os dentes de alho: 5 segundos, velocidade 5. 

Cortar os filetes de pescada, previamente descongelados, em pedaços. Cortar o pimento vermelho em cubos. 

Colocar no copo o peixe e o pimento, programar 5 segundos, velocidade 5. Juntar três colheres de sopa de farinha de aveia, temperar com sal, pimenta, polvilhar com o cebolinho e adicionar o ovo. Programar 10 segundos, velocidade 5.

Tranferir o preparado para uma taça e acrescentar farinha de aveia à medida que se vai amassando com as mãos, até ter a consistência ideal para moldar bolas, achatá-las e dispô-las num tabuleiro forrado com papel vegetal. 

Aquecer o forno a 200º, antes de colocar o tabuleiro no forno, regar os hambúrgueres com um fio de azeite. Cerca de 30 minutos no forno e estão prontos.

Acompanhei com rúcula. 

IMG_20170117_202327.jpg

 

 

Salmão no forno (by Jamie Oliver)

IMG_20161030_135936.jpg

 Sou fã, há já alguns anos, de Jamie Oliver. Tenho um dos seus livros, Poupe com Jamie, e recentemente andei a seleccionar algumas receitas para fazer no futuro. Houve uma que me despertou especial interesse. Um assado de salmão. Como adoro salmão e frequentemente o salmão inteiro, até 3kg, está em promoção no Pingo Doce, esperei por essa promoção para comprar um peixe inteiro. Não esperei muito. Escolhi um salmão com cerca de 1,900kg. Como era muito comprido para o tabuleiro de forno grande que tenho, cortei o peixe ao meio. O resto foi temperar com as sugestões de Jamie e levar ao forno.

A ideia é rentabilizar o forno, e ao assar um peixe inteiro haver sobras para reaproveitar. E assim foi. Do que sobrou do salmão assado, sendo que deu para o almoço de domingo e as marmitas de segunda, fiz uma salada de couscous maravilhosa.

 

Ingredientes:

  • um salmão inteiro
  • azeite
  • sal
  • pimenta (usei moinho 5 pimentas)
  • alecrim
  • 1 limão (adição minha, não está na receita original)

 

Preparação:

Regar o salmão com azeite. Temperar com sal, pimenta e alecrim e esfregar o salmão com as mãos de forma a incorporar bem os temperos. 

Colocar o salmão num tabuleiro de ir ao forno, e regar com azeite. Cortei um limão em quatro e distribui pelo tabuleiro.

Levar a forno quente a 200º cerca de 25 minutos.

Pode acompanhar com batata doce assada, legumes cozidos ou uma salada. É delicioso! 

 

 

Fast food da boa!

IMG_20161025_210132.jpg

O conceito de fast food está muito ligado ao conceito de junk food. Isto porque a fast food foi rapidamente associada aos hambúrgures com batatas fritas, aos nuggets, às sandes de pasta de atum ou frango. Não foi preciso vir o McDonald's para cá difundir os seus menus de hambúrgures com batatas fritas e molhos para termos fast food. Quem não se lembra de na infância as mães em situação de SOS fazerem salsichas com ovos estrelados. E nós adorávamos, pois claro.

A fast food que hoje trago é da saudável, e acredito que não deve demorar mais que o tempo que se está na fila do McDonald's.

Primeiro tempera-se as postas de salmão a gosto: umas pedras de sal, um fio de azeite, sumo de laranja ou limão, para quem apreciar, umas gotas de molho de soja combinam divinalmente com o salmão.

A seguir é tratar do acompanhamento, enquanto o salmão repousa na marinada: limpar e laminar os cogumelos, lavar folhas de espinafres, picar 5 dentes de alho. Eu coloquei o alho picado numa tacinha com azeite para ir aromatizando, isto porque primeiro salteio os cogumelos sozinhos no wok, até eles libertarem a sua água. Se necessário, quando os cogumelos estiverem a ficar mais dourados, escorrer a água em excesso, temperar com o azeite e alho e deixar fritar um pouco. Juntar as folhas de espinafres, envolver bem, temperar com umas pedras de sal, retirar do lume quando os espinafres estiverem murchos.

Depois é aquecer o grelhador de chapa, colocar as postas de salmão, dois minutos de cada lado.

Cá em casa aproveitou-se para se grelhar mais duas postas de salmão e duplicar o acompanhamento. Marmitas do almoço para o dia seguinte despachadas. 

 

Peixe à Gomes de Sá

 

 

IMG_20160926_195518.jpg

A vantagem de ter filetes de peixe no congelador é poder rapidamente preparar uma refeição de improviso. Foi o que aconteceu quando, num daqueles dias que não tinha nada planeado para cozinhar, me lembrei de adaptar o tradicional Bacalhau à Gomes de Sá usando filetes de pescada.

Ficou muito bom, prático para as marmitas do almoço. 

 

 Ingredientes:

  • 6 a 8 filetes de peixe branco (usei filetes de pescada)
  • 6 a 8 batatas médias
  • 4 a 6 ovos
  • 1 cebola
  • salsa a gosto
  • sal
  • azeite

 

Preparação:

Numa panela com água cozer os filetes e os ovos em água temperada de sal. Quando cozidos, escorrer e reservar. Na mesma água, cozer as batatas cortadas às rodelas.

Enquanto as batatas cozem, cortar a cebola em meias luas finas. Picar a salsa. Reservar. Lascar os filetes de peixe, descascar e cortar os ovos, com o auxílio de um cortador de ovos

Quando as batatas estiverem cozidas, escorrer a água. Usando a mesma panela, aquecer um pouco de azeite e alourar a cebola. Quando a cebola estiver a começar a murchar, juntar as batatas e envolver delicadamente na cebola. Juntar o peixe lascado e os ovos cortados, regar com azeite e envolver bem os ingredientes. Por fim, polvilhar generosamente com salsa, regar com um fio de azeite e servir.

IMG_20160926_195718.jpg

 

Robalo no forno

 IMG_20161007_210602.jpg

Ingredientes:

  • 2 robalos médios
  • 1 tomate coração de boi maduro
  • 1 limão
  • 6 hastes de salsa fresca
  • sal
  • pimenta
  • azeite

 

Preparação:

Colocar os robalos num tabuleiro de ir ao forno. Cortar o tomate em cubos e dispor em volta do peixe.Temperar com sal, pimenta e regar generosamente com azeite. Colocar umas hastes de salsa fresca junto ao peixe, cortar um limão ao meio e colocá-las no tabuleiro, viradas para baixo.

Levar a forno previamente aquecido a 180º e deixar assar cerca de 30 minutos.

Quando o peixe estiver assado, e antes de servir, pegar nas metades de limão com a ajuda de uma tenaz de cozinha e espremer o sumo por cima do peixe.

Acompanhei com couve cozida.

 

Carapau no forno

Este fim de verão anda instável. Tanto vem um dia mais quente, como à noite cai uma chuvinha manhosa, como amanhece cinzento. 

Nesta instabilidade, aquilo que era para ser um grelhado no carvão mudou-se para o forno, a antever os dias frios que estão cada vez mais perto, onde o forno se torna rei na cozinha.

IMG_20160914_201652.jpg

Ingredientes:

  • 4 carapaus médios inteiros
  • 1 tomate coração de boi
  • 1 pimento vermelho
  • 1 cebola
  • 3 dentes de alho
  • salsa
  • sal
  • azeite

 

Preparação:

Num tabuleiro de ir ao forno cobrir o fundo com: a cebola cortada em meias luas, os dentes de alho laminados, o tomate cortado em pedaços, o pimento cortado em tiras e a salsa grosseiramente picada. Envolver com as mãos os ingredientes, de forma a misturá-los. Temperar com umas pedras de sal e regar com um fio de azeite.

Por cima dispor os carapaus, previamente temperados com sal. Regar, generosamente, com azeite. 

Levar a forno quente a 200º, primeiros 20 a 30 minutos tapado com folha de alumínio, depois uns 10 minutos para acabar de assar e dourar por cima.

IMG_20160914_201941.jpg

Servi com fatias de pão rústico, bem regadas com o molho de legumes que se formou no assado. 

Delicioso!