Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Na Cozinha da Raiozinho

Na Cozinha da Raiozinho

Jardineira de frango na púcara de barro

IMG_20180122_205840.jpg

 Ingredientes:

  • 1 kg de peito de frango cortado em cubos
  • 1 chouriço corrente às rodelas
  • 1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • 1 malagueta
  • 1 folha de louro
  • 1 colher de chá de pimentão doce
  • azeite
  • sal
  • 200 ml de vinho branco
  • salsa
  • ervilhas, cenouras baby, feijão verde, milho

 

Preparação:

Na púcara de barro cobrir o fundo com azeite e levar a alourar a cebola picada, os dentes de alho picados, a malagueta picada, a folha de louro e o pimentão doce.

Juntar o chouriço cortado às rodelas e deixar cozinhar um pouco, para começar a libertar os seus sucos.

Juntar a carne cortada em cubos, envolver bem e deixar cozinhar até ficar translúcida. 

Temperar com sal, refrescar com o vinho branco, tapar e deixar cozinhar em lume brando cerca de meia hora. 

Juntar os legumes e uns pés de salsa, envolver na carne, tapar e deixar cozinhar entre 10 a 15 minutos.

Servir quente e saborear com umas fatias de pão rústico. 

 

 

Pernas de frango no forno com manteiga e alho

 

 

Ingredientes

  • 6 ou 8 pernas de frango
  • azeite q.b.
  • 4 a 6 dentes de alho
  • 1 colher de sopa de manteiga
  • Sal q.b.
  • Pimenta q.b.
  • Sumo de um limão
  • Salsa fresca q.b,
 
Preparação:
Num almofariz colocar os dentes de alho e esmagar bem, juntar a manteiga e amassar bem.
Pincelar um tabuleiro de forno com azeite.
Barrar bem as pernas de frango com a mistura da manteiga e dispô-las no tabuleiro. Temperar de sal e pimenta, regar com um fio de azeite e o sumo de limão.
Levar as pernas de frango ao forno, pré-aquecido a 180º C,  durante cerca de 30 minutos ou até a carne estar alourada. A meio do tempo virar as pernas de frango para alourarem de ambos os lados.
Retirar a carne do forno quando estiver pronta, regar com mais sumo de limão a gosto e servir com salsa finamente picada.
 
Servi com abóbora assada e couve salteada em azeite e alho.
 

Folhado de alheira com abacaxi

Para fã de alheira assumida como eu, ver uma receita de alheira, daquelas que me põe logo a salivar, é algo que me põe em ânsias até experimentar.

Por isso, não demorei muito a pôr mãos na alheira depois de ver esta receita de folhado de alheira com abacaxi da Mula.

Não tem nada que saber, vejam lá a receita original e experimentem. É deliciosa. E que bem que fica esta combinalção de alheira com abacaxi! Fiquei fã. Mais ainda.

 

One pot pasta

 

Bem sei que não é novidade, que a febre do one pot pasta já lá vai, mas por aqui, muitas vezes, deixa-se passar a febre e as modas e só depois se experimenta.

Confesso. Já tinha experimentado. E tinha ficado um tanto ou quanto aguada, nada semelhante com o tal molho cremoso que anunciam como a 8ª maravilha da culinária. 

Mas à terceira foi de vez. Ficou no ponto. Não segui nenhuma receita em particular, limitei-me a juntar uns quantos ingredientes e temperos e aí vai disto. Afinal, o que é o one pot pasta se não isso mesmo?

 

Ingredientes:

  • cerca de 250 gr de esparguete integral (medida a olho, mais ou menos metade do pacote)
  • tomates cherry cortados ao meio (cerca de 12)
  • 1/2 cebola roxa cortada em meias luas
  • 2 dentes de alho laminados
  • cerca de 150 gr de cogumelos frescos laminados (tinha uma embalagem de 300 gr, usei sensivelmente metade, a outra metade foi para uma sopa)
  • sal q.b.
  • pimenta
  • azeite q.b.
  • salsa grosseiramente picada

 

Preparação:

Numa frigideira larga e com alguma profundidade colocar todos os ingredientes. Temperar com sal, pimenta, regar com azeite e polvilhar com salsa picada. 

Cobrir com cerca de 3 chávenas de água (a ideia é que os ingredientes fiquem cobertos de água, mas não a nadar em água, provavelmente o meu erro em tentativas anteriores que punha muita água).

Deixar cozer em lume médio, mexendo de vez em quando para os ingredientes se misturarem e a massa não colar. Quando os ingredientes estiverem cozinhados, fica um molho cremoso residual. É altura de desligar o lume, para não deixar secar demais, e servir. 

Para quem gostar ou quiser, pode polvilhar com queijo ralado por cima antes de servir.

 

 

 

Douradas no forno com azeite, limão e orégãos

 Inspiração aqui 

 

Ingredientes:

  • 4 douradas (entre 400 a 600 gr) 
  • 1 limão
  • 1 colher de sopa de alho em pó
  • 1 colher de sopa de orégãos
  • azeite a gosto
  • sal e pimenta q.b.

 

Preparação: 

Dar uns golpes nas douradas, passar por água e colocá-las num tabuleiro de forno. 

Temperar com sal, pimenta branca, alho em pó e orégãos. Dispor por cima das douradas fatias de limão. Regar generosamente com azeite.

Levar a forno pré-aquecido a 200º durante 30 minutos.

Acompanhei com couve (caldo verde) salteada em alho e azeite.

 

Nota: aproveitei que ia ligar o forno e assei logo 4 peixes. A ideia foi cozinhar a mais para depois poder ter já comida para as marmitas dos almoços, ou ter restos para transformar noutra receita. Neste caso, por exemplo, posso aproveitar a dourada assada para uma salada de peixe, ou um empadão de peixe. Também funciona para uma massada ou arroz de peixe. E porque não uns hambúrgueres ou umas almôndegas de peixe? Ideias não faltam. 

Peito de frango no forno com crosta de queijo e alho

Cruzei-me com esta receita no blog do Casal Mistério e fiquei a salivar. Guardei-a e não me saiu da cabeça. Aproveitei a ida ao talho do bairro para comprar peitos de frango. Na lista de compras anotei outros ingredientes que, por norma, não costumo ter em casa. A receita havia de sair. E saiu. Com uma ou outra alteração/adaptação e ficou uma delícia. 

 

Ingredientes:

  • 8 peitos de frango
  • 3 colheres de sopa bem cheias de maionese
  • 100 gr de queijo ralado (não encontrei parmesão, usei emental)
  • 1 colher de sopa de alho em pó
  • sal q.b.
  • pimenta q.b.
  • cebolinho q.b.

 

Preparação:

Passar os peitos de frango por água, dar uns golpes e dispô-los num tabuleiro forrado a papel vegetal.

Numa taça misturar a maionese com o queijo ralado e o alho em pó.

Barrar os peitos de frango com esta mistura.

Temperar com sal, pimenta (usei moinho cinco pimentas) e polvilhar com cebolinho picado (usei o desidratado que há no Lidl).

Levar ao forno, previamente aquecido a 200º, durante 40 minutos.

Nota: a receita original leva pão ralado, que se adiciona ao fim dos primeiros 20 minutos de forno. Eu optei por não acrescentar o pão ralado, mas acredito que tornará a cobertura mais crocante. Portanto numa próxima vou usar o pão ralado.

Acompanhei com uma mistura de legumes salteados que encontrei no Lidl, junto aos legumes embalados. Deve ser um produto recente, pois foi a primeira vez que o vi. Recomendo. É o salteado de legumes gourmet, que entre outros tem bimi, pimentos, cebola roxa, cenoura ralada. Salteei com azeite e alho no wok, e no fim umas gotas de vinagre balsâmico para aromatizar.

 

 

Quiche de bacon com cogumelos

IMG_20180111_210026.jpg

Ingredientes: 

  • 1 base de massa quebrada
  • 250 gr. de bacon em cubos
  • 200 gr. de cogumelos portobello frescos
  • moinho 5 pimentas
  • 1 cebola
  • 3 dentes de alho
  • 6 ovos
  • 200 ml natas de soja
  • sal q.b.
  • queijo mozzarella ralado

 

Preparação:

No wok saltear os cubos de bacon, sem qualquer adição de gordura. Quando começar a ficar caramelizado, juntar a cebola e os dentes de alho picados, envolver e deixar alourar a cebola. Adicionar os cogumelos, previamente limpos e cortados ao meio (eram pequeninos). Deixar cozinhar alguns minutos, até libertarem a sua água e ficarem secos. 

Numa tigela bater os ovos com as natas de soja. Temperar com umas pedras de sal e o moinho 5 pimentas.

Forrar uma tarteira com a base de massa quebrada e com um garfo picar a base.

Transferir o preparado de bacon com cogumelos para a tarteira. Verter os ovos com as natas de soja por cima, polvilhar com o queijo ralado. Levar ao forno pré aquecido a 200º entre 20 a 30 minutos (até verem o queijo gratinado e a quiche cozinhada).

Deixar repousar um pouco antes de servir (facilita na hora de cortar).

Acompanhei com uma salada de tomate. 

Esta quiche é uma ótima opção para marmitas, já que se come muito bem à temperatura ambiente. 

 

Vitela assada com tomilho

O primeiro assado do ano. Depois de uma semana de chuva, o fim de semana trouxe sol. Mas um sol gelado. Tanto frio que fazia fora de portas. Uma vez mais, o domingo foi passado em casa, entre mantas no sofá e petiscos na mesa. Para o almoço, um assado de vitela. Não é carne que seja muito consumida, mas para ir variando um pouco os sabores, no talho pedi nacos de vitela para assar. Depois foi fazer uma pesquisa rápida por uma receita e a proposta do Pingo Doce agradou-me. 

 

Ingredientes: 

  • 1,5 kg de vitela para assar (optei por cortar em nacos)
  • 6 dentes de alho
  • Tomilho a gosto
  • 2 dl de vinho branco
  • azeite q.b.
  • sal q.b.
  • pimenta branca q.b.
  • 3 colheres de sopa de pimentão doce
  • 3 colheres de sopa de vaqueiro líquida (ou pedacinhos de manteiga)

 

Preparação:

Num alguidar temperar a carne com os dentes de alho esmagados, sal, pimenta, pimentão doce, tomilho. Regar com um fio de azeite e envolver tudo. Juntar o vinho branco e deixar repousar cerca de 1h.

Tranferir a carne e a marinada para um tabuleiro de forno. Por cima da carne distribuir um pouco de manteiga ou Vaqueiro líquida.

Levar ao forno, previamente aquecido a 200º, por 15 minutos. Terminado o tempo, reduzir a temperatura do forno para 170º. Deixar cozinhar cerca de 1h, tendo o cuidado de ir virando a carne para assar uniformemente.

Servi com legumes cozidos (feijão verde, cenoura e milho).

 

Salmão com brócolos (Pedro Jorge)

Quando me cruzei com este vídeo no Facebook não tive dúvidas: guardei-o e planeei experimentar esta receita para breve. Tem tudo o que eu adoro: a combo salmão e brócolos, é simples, rápida, prática, sem complicações para um fim de dia de trabalho a meio da semana. 

Só acrescentei ao molho do Pedro Jorge sumo de meio limão. De resto, vejam o vídeo e experimentem. Os brócolos assados no forno foram uma agradável surpresa.

IMG_20180108_203701.jpg

 Antes de ir ao forno

IMG_20180108_213526.jpg

 Depois... 

 

Aproveitei para fazer quatro lombos de salmão a pensar nas marmitas para o almoço do dia seguinte. 

Frango assado com limão, colorau e batata doce

IMG_20171217_135906.jpg

Inspiração aqui

 

Receitas de frango nunca são demais. É das carnes mais consumidas cá por casa e das mais versáteis de cozinhar. No inverno, o almoço de domingo é quase sempre um assado de forno. Tão simples e reconfortante. Tabuleiro, temperos, forno. Uma tríade deliciosa que perfuma a cozinha e nos faz crescer água na boca.

 

Ingredientes:

  • 8 pernas inteiras de frango
  • 6 dentes de alho
  • sal 
  • 1 malagueta
  • azeite q.b.
  • 1 colher de chá de colorau em pó
  • 1/2 limão
  • uma colher de café de alecrim
  • 1 pernada de tomilho (usei seco)
  • 100ml de vinho branco
  • 1 folha de louro
  • 4 batatas doces cortadas às rodelas
     

Preparação:

No copo da varinha mágica colocar os dentes de alho descascados, o sal, a malagueta, o colorau e o limão sem casca. Triturar bem até obter uma pasta e acrescentar um pouco de azeite. Misturar bem e esfregar as pernas com esta mistura.
Colocar numa assadeira e juntar as ervas aromáticas e a folha de louro. À volta colocar as batatas doce cortadas às rodelas e preciamente temperadas de sal. Regar tudo com o vinho branco.
Levar ao forno previamente aquecido a 180ºC durante cerca de 1h até que o frango esteja dourado e cozinhado e as batatas macias e coradas.
Servir com uma salada verde ou legumes salteados.