Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Na Cozinha da Raiozinho

Na Cozinha da Raiozinho

Risotto de abóbora assada com cogumelos

 

 

 

 

 

 

Podia começar a história assim: era uma vez uma abóbora que foi cortada a meio, metade foi para uma sopa e para congelar já em pedaços, para futuras sopas, a outra metade foi temperada e assada no forno. Dessa metade assada surgiram dois pratos: um risotto e um creme. E puff, foi-se a abóbora. Fim!

 

 

 

Ora então num destes dias queria eu fazer uma sopa e aproveitei que o homem tinha ido ao supermercado e liguei a pedir um pedaço de abóbora. Chega-me a casa com uma abóbora inteira. (Lembrem-me de lhe ligar a pedir um par de sapatos, a ver se ele me traz a sapataria toda).

 

Adiante, cortei logo a abóbora a meio. De uma metade, descasquei, cortei em pedaços, fiz a sopa desse dia, congelei o resto para outra sopa. E fiquei a olhar para a outra metade e já que tinha o forno ligado a assar frango, não pensei muito. Temperei a abóbora com flor de sal, pimenta branca, noz moscada, uns pós de pimentão doce, um fio de azeite e forno com ela.

 

 

 

No dia seguinte o almoço foi um risotto que já me andava nas ideias há algum tempo.

 

 

 

 

 

 

 

Ingredientes:

 



    • cerca de 250 gr de abóbora assada

    • 1 chávena e meia de arroz para risotto

    • cerca de 200 gr de cogumelos frescos laminados

    • 1 cebola

    • 2 dentes de alho

    • azeite

    • caldo de galinha (1 cubo de caldo de galinha fervido em cerca de 1 L de água, mas convém pôr água a mais para garantir que há caldo suficiente para o risotto)

    • 200 ml de vinho branco

    • folhas de aipo picadas


 


Aquecer um fio de azeite com a cebola e os dentes de alho picados. Quando a cebola começar a estalar e a ficar translúcida, juntar o arroz e deixar fritar um pouco. Refrescar com o vinho branco. Quando o risotto estiver com pouco vinho, juntar os cogumelos e a abóbora assada (polpa). Envolver os ingredientes e regar com uma conche de caldo de galinha. Ir mexendo e ir juntando o caldo, sem deixar o risotto secar. Quando o risotto estiver cozido, aromatizar com algumas folhas de aipo picadas.


 


 

 

 

 

 

 

 

 

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.